Peça um desejo na chuva de estrelas cadentes

Hoje é dia de, por instantes, sair da cidade e procurar o melhor ponto de observatório no campo. As estrelas cadentes vão inundar o céu com uma chuva de meteoros conhecida como chuva de Perseidas.

 

 

Estas estrelas são na verdade pequenos pedaços de rocha, compostos por poeira e areia, que resultam do rastro deixado pela passagem do cometa Swift-Tuttle. Isto acontece quando a terra na sua rota em volta do sol, passa pela zona onde se encontram estes detritos e faz com que se desintegrem ao entrarem em contacto com a atmosfera terrestre. Daí os rastros luminosos riscados no céu.

Lembro -me de há alguns anos , quando ainda era criança, ir com uma tia para o campo observar estrelas cadentes num ‘espetáculo’ semelhante. Um fenómeno que, se reunidas as condições de boa visibilidade, com céu limpo e pouca luz, é bonito de ver. Continue reading “Peça um desejo na chuva de estrelas cadentes”

Hidratação a mais tem efeitos na saúde

Até aqui ‘fartamo-nos’ de ler artigos que recomendam o consumo de água. Fundamental para manter a hidratação e as necessidades metabólicas do organismo. Mas, se beber água é fundamental, beber em excesso pode ter danos para a saúde.

 

 

A Universidade de Monash, na Austrália, revelou um estudo que consistiu no registo, através de ressonância magnética, da atividade cerebral e do esforço que implicou beber água em duas situações distintas: com sede, após a prática de exercício físico e sem sede, depois do consumo de grandes quantidades de água.

A investigação mostrou que o cérebro tem mecanismos de defesa que ficam ativos quando ingerimos demasiados líquidos. Os testes revelaram, em casos de consumo excessivo, uma sensação de “garganta fechada”, podendo triplicar o esforço para engolir. E o problema agrava-se porque muitas vezes essa sensação é erradamente interpretada como a necessidade de ingerir mais água… Continue reading “Hidratação a mais tem efeitos na saúde”

Óleo de Coco e as doenças cardíacas

Hoje dedico o artigo ao óleo de coco e às suas vantagens… Agora relacionadas com as doenças cardíacas.

Ainda não me rendi ao óleo de coco. E são várias as fontes que o ‘dão’ como milagroso… Mais saudável e de consumo diário recomendado…

Foi efetuado um estudo, por investigadores da Universidade de Cambridge, com a ajuda de 94 voluntários entre os 50 e os 75 anos e com o objetivo de determinar o efeito do consumo regular de gorduras nos níveis de colesterol. Chegou-se à conclusão que o óleo de coco reduz o risco de doenças cardíacas e enfartes.

 

Continue reading “Óleo de Coco e as doenças cardíacas”

Oscares 2018 e a consagração da mudança

A noite mais aguardada do cinema passou sem grandes surpresas… Desta vez, sem erros de atribuição. Consagrou o ano das mulheres e da caça aos machistas, misóginos e predadores sexuais. Que finalmente traz consequências a uma indústria de secular predomínio masculino.

 

 

A edição que premiou como melhor filme a ‘ Formula da água ‘ com 13 nomeações ( ganhou 4 ) e o seu realizador Guilhermo del Toro. Deixando para trás ‘ Três cartazes à beira da estrada ‘ que para muitos era o favorito.

 

 

Frances McDormand  na comédia negra “Cartazes” é uma mãe de guerrilha que provoca a Polícia que nada fez sobre a violação e homicídio da sua filha e também levou para casa a estatueta dourada. Merecido.

Na categoria masculina, a consagração para Gary Oldman em “A hora mais negra” onde aparece na pele de Churchill e contamina para sempre a nossa memória do estadista inglês.

‘ Coco ‘ sem duvida o melhor filme de animação dos últimos tempos e a sua ‘ Remember me ‘ também vencedora mas na categoria de Melhor canção original. Bravo! Continue reading “Oscares 2018 e a consagração da mudança”

Danos para a pele dos smartphones

A luz azul emitida pela sua TV, computador e telefone é chamada de luz visível de alta energia (HEV) e é tão perigosa, senão mais, do que o dano solar!

Mary Logue, co-autora do estudo, da Universidade do Novo México disse-nos que “estes dispositivos são geralmente utilizados para comunicação ou entretenimento, por isso pode ser fácil ignorar suas propriedades reflexivas, a menos que capte o brilho do ecrã “.

O estudo sobre os efeitos específicos do HEV ainda está em desenvolvimento, mas os cientistas dizem que a luz penetra na pele mais profundamente do que os raios UV do sol. E por esta não esperávamos!

 

 

Continue reading “Danos para a pele dos smartphones”

Noites mal dormidas

Não será novidade que as noites mal dormidas aumentam a compulsão por comidas hipercalóricas, ricas em acuçares e gorduras. É praticamente de senso comum mas tem base cientifica. Há evidencias  epidemiológicas que relacionam a obesidade e as horas de sono.

O investigador Matthew Walker da Universidade de Berkeley observou imagens de cérebros de 23 pessoas, descansadas ou não, enquanto consumiam diferentes tipos de alimentos. O que se notou foi que áreas do cérebro responsáveis  pela satisfação ( amígdala ) responderam com maior intensidade nas pessoas que dormiam pouco.

A privação do sono diminui significativamente a atividade em regiões relacionadas com o apetite do córtex frontal humano e do córtex insular, durante escolhas de desequilíbrio alimentar. Havendo, como referi em cima, uma amplificação inversa da atividade da amígdala . Ou seja, dormir pouco interfere com as decisões racionais, levando a que as reações sejam mais impulsivas e menos racionais, até quando escolhemos o que comer.

 

Continue reading “Noites mal dormidas”

O segredo da estrutura do osso nas ciências forenses

A novidade surge de investigadores da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), que lideram uma equipa internacional, e que estão a desenvolver um método, pioneiro a nível mundial, para resolver um dos grandes problemas dos cientistas forenses. A caraterização biológica rigorosa de vítimas desconhecidas com base nos seus restos mortais queimados.

Este será um importante avanço para as ciências forenses.

 

Maria Paula Marques

Continue reading “O segredo da estrutura do osso nas ciências forenses”